Category Archives: SENAC

ROTEIRO SUDESTE

 

ROTEIRO

INTRODUÇÃO

Como solicitado, foi criado um roteiro onde vários aspectos eram envolvidos, sendo eles geográficos, gastronômicos, históricos, entre outros. Serão visitados parques estaduais, restaurantes, cidades históricas, cidades modernas e muito do que há de bom na região sudeste do Brasil.


  1. ESTADOS QUE IREMOS PASSAR

ESPIRITO SANTO, RIO DE JANEIRO, SÃO PAULO, MINAS GERAIS.


  1. CIDADES e PONTOS:

Espirito Santo

Parque Estadual de Itaúna – Conceição da Barra (UNESCO)

Vitória (HISTÓRIA)

Parque Estadual da Pedra Azul (GEOGRÁFICO)

Rio de Janeiro

Cinelândia (HISTÓRICO)

Copacabana/Ipanema (LAZER/GASTRÔNOMICO)

Niterói (ALTERNATIVO A COPACABANA)

São Paulo

São Luiz da Paraitinga (HISTÓRICO)

São Paulo (GASTRÔNOMICO/LAZER)

Socorro (PARQUE)

Minas Gerais

Serra da Cantareira (Panorâmico) (GEOGRÁFICO)

Belo Horizonte (HISTÓRICO/GASTRÔNOMICO)


  1. ELABORAÇÃO

O Roteiro começa no estado do Espirito Santo, dia 27 de dezembro. No primeiro dia, daremos o pontapé inicial. Lá teremos um dia bem tranquilo no Parque Estadual de Itaúnas, que é um bem da humanidade e tombado pela UNESCO. Faremos um picnic para a integração do grupo e algumas atividades onde todos possam participar, além de algumas explicações de profissionais que fazem a catalogação de espécies. Tudo isso em uma tarde ensolarada.

1469167164_b43fa1c9b1_b

Já no final da tarde, vamos nos preparar para ir durante a noite para a capital capixaba, Vitória. (Ônibus por 54.70 R$)

No segundo dia, chegaremos em Vitória. Iremos ao projeto Tamar no período da manhã para ouvirmos uma palestra sobre o quão importante é a preservação das espécies. Após a palestra, iremos degustar uma saborosa  moqueca de camarão, típico da região capixaba e baiana. Após o almoço, já por estarmos próximos de alguns pontos da praia, iremos ao teatro glória, e andaremos por mais quatro KM para chegarmos ao Basílica de Santo Antônio, uma das igrejas mais belas e calmas da cidade, excelente para “encontrar sua paz interior.”

henrique_filgueiras_projeto_tamar

Na noite do segundo dia, no saguão do hotel, será feita uma sugestão para que os clientes visitem o Parque Estadual da Pedra Azul, um parque muito bonito, um passeio que pode ser monitorado.

O terceiro dia será livre. Porém, no período da noite, iremos de ônibus para o sul, para chegarmos ao estado do Rio de Janeiro e pouparmos o dinheiro da hospedagem, assim ganhando tempo para poder ir a virada de ano em Copacabana. (ônibus por 90,00 R$ executivo)

parque-estadual-da-pedra-azul

No quarto dia, 31 de Dezembro, iremos chegar por volta das 8 horas da manhã. Faremos uma parada para café da manhã, no Amarelinho (Cinelândia), um bom lugar para café e com um preço mais acessível. Ainda no período da manhã, por estarmos na Cinelândia, será possível visitar prédios como o Teatro Municipal, símbolo da Belle Époque na cidade, além do Museu de Belas Artes e até pérolas como o Teatro Rival, por onde já passaram artistas como Dercy Gonçalves, Grande Otelo e Oscarito. No horário do almoço, nada melhor do que um bom almoço não é? Então, iremos a Ipanema, e almoçaremos na churrascaria Fogo no Chão, um lugar para comermos sem pressa alguma e apreciarmos a vista. Após o almoço, uma visita à praia de Copacabana que deverá estar se preparando para a queima de fogos que ocorrerá a meia noite.

reve

No quinto dia 01 de janeiro teremos um dia tranquilo para aproveitar as belezas naturais do Rio de Janeiro, após uma virada do ano inesquecível, sugerimos uma ótima opção de descanso e encantamentos na cidade de Niterói, um roteiro alternativo para o turista que quer conhecer bem mais do que Copacabana, a ideia seria que em Niterói os turistas conhecessem pela manhã o Forte de Santa Cruz, que participou de momentos importantes de nossa história, impedindo invasões francesas e holandesas. Enquanto presídio recebeu figuras ilustres como José Bonifácio, Bento Gonçalves e Euclides da Cunha. E o museu de Arte contemporânea, projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, o MAC tornou-se um dos cartões-postais de Niterói. Destina-se principalmente a obras pertencentes à arte contemporânea, todas datadas ao decorrer do século XX. Apresenta desde artes abstratas até obras retratando a ilusão da Monarquia Brasileira.  Para após o almoço todos se encantassem com a praia mais bonita do estado do Rio de Janeiro a Praia de Camboinhas, com areia branca, águas cristalinas e com pouca visitação por ser uma praia conhecida apenas pelos amantes de praias cariocas, ficaremos na praia até de noite aonde acontece um lindo Luau no quiosque da tia Lucia.

niteroi_03

Ao chegar dia 02 de janeiro nosso sexto dia, saímos da cidade maravilhosa com destino a cidade do folclore, São Luiz do Paraitinga com uma trilha pelas 7 cachoeiras, um belo lugar, para descansar com belas paisagens e um cenário relaxante. São sete cachoeiras para se visitar, em uma trilha de esforço médio, após um bom banho no hotel e um descanso após o almoço começamos o nosso roteiro histórico na cidade aonde conheceremos Capela Nossa Senhora das Mercês, a casa de Oswaldo Cruz, lugar que virou um museu na cidade, Mercado municipal e a Fazenda São Luís para fecharmos com chave de ouro com grandes histórias e grandes curiosidades, já no final da tarde vamos para São Paulo ter um jantar típico de Paulista, vamos comer pizza, saborear um dos melhores pratos de São Paulo.

Foto: Diogo Moreira/A2 FOTOGRAFIA
Foto: Diogo Moreira/A2 FOTOGRAFIA

  Sétimo Dia, teremos um dia diferente em São Paulo, bem eclético e divertido com muitas comidas, música, história e lazer. Para começarmos com o pé direito, e uma aventura na casa de pedra aonde é localizado o maior ginásio de escalada esportiva do país, com paredes de 14m de altura e mais de 100 vias de escaladas guiadas. Uma ótima sugestão para depois de gastarmos tanta energia, repô-las comendo um tradicional Sanduíche de Mortadela, ou um almoço paulista no próprio mercadão. Após o almoço, vamos conhecer o museu da voz e o choque cultural, dois museus com propósitos bem diferentes que irão deixa-los curiosos para saber mais sobre o local e suas exposições.

10169267_993559763994276_4114045776433447545_n

Já no final do dia, faremos o esquema de sempre. Pegaremos um ônibus no final da tarde e seguiremos para a cidade de Socorro, pertencente ao circuito das águas paulistas e conhecida nacionalmente pelo turismo acessível (28,90R$). Poderemos tambem observar a serra da cantareira em SP dentro das 2h35 de viagem. Chegaremos ao final da noite e nos hospedarem no hotel fazenda “Parque dos sonhos”. Por ter feito uma reserva com antecedência, os clientes ganharam um desconto de 10% do hotel, em um pacote all inclusive. (435,00 R$)

O Oitavo e nono dia irá ser livre para que os clientes desfrutem dos esportes de aventura que o Parque dos sonhos proporciona. Assistirão  a uma palestra de empreendedorismo do dono do hotel e farão de tudo por lá. (Claro opcional)

Foto tirada por Marjorie Sanches.
Foto tirada por Marjorie Sanches.

No décimo dia, sairemos de Socorro e pegaremos um ônibus de madrugada para BH. (56.40 R$). Chegaremos no horário das 10h35, e, os guias irão fechar o ultimo pacote da viagem que será uma surpresa. DIA LIVRE

No décimo primeiro dia, acordaremos um pouco mais tarde para ter pique para os dois próximos dias. Sairemos no horário do almoço, e lá iremos provar uma comida típica, Frango com quiabo. No restante da tarde, aproveitaremos os principais pontos turísticos da cidade, o Parque Municipal Américo Rennée Gianetti , Museu de Artes e Ofícios, Complexo de Pampulha.

pampulha_belho-horizonte_cristiano-mascaro-2008_820_a

No décimo segundo dia, iremos comer um bom pão de queijo no desjejum e faremos um tour completo pelo belo estádio Mineirão no horário da manhã. No horário do almoço, comeremos em um restaurante a beira da estrada e a tarde, uma trilha até o pico de BH para encerrarmos bem o nosso roteiro de 12 dias.

https://www.youtube.com/watch?v=pcIXHH3QPH8

VT- Rio de Janeiro

VISITA TÉCNICA RIO DE JANEIRO (15 e 16/08)

Eaae galera ,

Breve resumo sobre a cidade maravilhosa, aonde dois dias são extremamente muito pouco tempo para se conhecer tanta coisa, tanto patrimônio, tanta natureza e a cultura carioca, resumimos nossa visita em alguns atrativos que se destacam na cidade :  Cristo Redentor, Pão  de açúcar, Escadaria Selaron, Arcos da Lapa, Sambódromo, Maracanã, Jardim Botânico, Centro Histórico, Panorâmica pelas praias (Leblon, Copacabana e Ipanema)

O grupo unido, com a coletividade que já vinha desde socorro, sabia que ia ser um grande desafio. Primeira vez de avião de alguns ja faria valer a pena, esse roteiro que pra qualquer turista é impossível de ser feito !

PONTOS VISITADOS :
Uma maravilha, cada lugar um mais interessante que outro, mas eu indo ao rj, trocaria alguns ou acrescentaria outros pontos ao meu critério é claro, foi um passeio muito corrido para todos e acho que acabou atropelando muita coisa por apenas realmente conhecer alguns pontos.

HOTEL:

Ótimas instalações ao meu ver, com alguns funcionários meio sem educação mais no geral uma ótima equipe, café da manha muito bom também e única critica a fazer do hotel mesmo foi a localização dele pois achei meio escondido, e é complicado ter um hotel que fique do lado de um bar ’24hrs’ aonde o forró comeu solto das 16hrs da tarde as 8hrs da manha.

A CIDADE:

acho que o ruim do rio são alguns cariocas que parecem não ver um potencial na cidade, falta muita flexibilidade e vontade de ajudar quem vem de fora, mas tirando isso sou muito suspeito para falar da cidade maravilhosa aonde nasci e cresci ! uma cidade SENSACIONAL.

Uma viagem com muitos aprendizados a serem levados para a vida mesmo para quem não for guia ! tiramos muitos ensinamentos.

Patrimonio Material e Imaterial – RJ

Apesar de estar um pouco atrasado ( problemas no computador e de tempo) vim postar só agora meu Patrimônio Material e Imaterial mas para ser mais especifico, peguei 2 dos meus principais patrimônios carioca.

PATRIMÔNIO MATERIAL :

11895972_1505791023046280_2660023792377610894_n

A Escadaria Selarón é obra do artista chileno Jorge Selarón. Em 1990, Selarón iniciou os trabalhos de renovação da escadaria que passa em frente à sua casa e estava em péssimo estado de conservação. No começo os vizinhos zombavam das combinações bizarras de cores e, o que era pra ser um passatempo acabou virando uma obsessão que consumia praticamente todo seu dinheiro. Passou então a vender suas pinturas para financiar a empreitada e após vários anos de exaustivo trabalho, a escadaria tornou-se um sucesso, convertendo-se em um belo cartão postal da cidade.

A obra já foi matéria de muitas revistas, jornais, documentários, comerciais de TV e serviu de cenário para clipes de U2 e Snoop Dogg. Em 2005, a prefeitura da cidade deu à Selarón o título de Cidadão Honorário do Rio de Janeiro e oficializou o tombamento da escadaria.

PATRIMÔNIO IMATERIAL :

torcidadoflamengo-divulgacao

Meu patrimônio imaterial é algo mais pessoal, mas tenho certeza que uma nação inteirinha também concordaria comigo ao dizer com carinho que o meu patrimônio imaterial não é nada mais nada menos do que Nós a Torcida Rubro Negra (TRN), não é algo que estou falando da boca pra fora mesmo se fosse, pode perguntar a qualquer um que já foi acompanhar um jogo do Clube de Regatas do Flamengo sobre o espetáculo que a torcida promove todos os jogos para empurrar o time para cima dos adversários.

“A torcida do Clube de Regatas do Flamengo, também conhecida como Nação Rubro-Negra, é a maior torcida do Rio de Janeiro e do Brasil. Exemplo de paixão, festa e euforia quando se apresenta nos jogos de futebol do time, ela foi considerada a mais alta manifestação da paixão carioca pelo futebol.” (Decreto n° 28787 de 4 de dezembro de 2007)

http://vejario.abril.com.br/materia/cidade/saiba-quais-sao-os-patrimonios-imateriais-do-rio/

uma curiosidade da torcida mais linda do Brasil e que o na época o prefeito Cesar Maia ( Botafoguense ) fez um decreto declarando a torcida rubro negra como patrimônio cultural carioca.

http://www0.rio.rj.gov.br/patrimonio/pastas/legislacao/dec_28787.pdf

Casa de Flávio de Carvalho

Boa Noite  Rapaziada !

hoje meu post é um trabalho solicitado pela Docente Angélica e busquei um patrimônio tombado da cidade de Valinhos , e escolhi esse pela curiosidade  do formado em que a casa foi construida

Localização: Casa sede da Fazenda Capuava

Número do Processo: 00286/73

Resolução de Tombamento: Resolução de 12/05/1982

Publicação do Diário Oficial

  • Poder Executivo, Seção I, 21/05/1982, pg 13Livro do Tombo Histórico: inscrição nº 270, p. 70, 25/03/1987A casa sede da Fazenda Capuava, ou Casa de Flávio de Carvalho, foi projetada e construída por Flávio de Carvalho (1899-1973) que, até a sua morte, deteve a propriedade e usufruto do imóvel. A residência, com 650 m2 de área construída, e catorze cômodos, testemunha a irreverência do arquiteto na adoção de solução para os espaços. A grande sala, de 16,50 x 7,50 m, sem divisões, centraliza a construção, ladeada por duas varandas, ambas com saída para a estrada. Na elevação principal uma grande porta central, com 8 m de altura, marca o acesso principal, voltado para a piscina.

00286-1973-Principalhttp://www.cultura.sp.gov.br/portal/site/SEC/menuitem.bb3205c597b9e36c3664eb10e2308ca0/?vgnextoid=91b6ffbae7ac1210VgnVCM1000002e03c80aRCRD&Id=ee05ac9aa4acc010VgnVCM2000000301a8c0____

Roteiro Técnico – Jundiaí SP

O roteiro visa proporcionar ao turista um breve conhecimento histórico de Jundiaí e região, desde a chegada dos primeiros moradores até a cidade atual, moderna e cheia de oportunidades.

ktr

Horário Localidade
8:00 Saída do Ponto Inicial – neste caso programado para Rua Vicente Magaglio, nr. 50 – Jd. Paulista – Jundiaí.
8:15 Chegada ao centro histórico de Jundiaí, nossa primeira parada: Praça Ruy Barbosa.

Conheceremos um pouco da história local com interação do grupo.

– Praça Ruy Barbosa, Gabinete de Leitura, terreno onde se localizava antigo Quartel Central.

Caminharemos pela Rua do Rosário até nossa segunda parada Praça da Catedral, onde conheceremos: – Casa Paroquial, Calçadão, Catedral e Museu.

8:45 Visita a Catedral N. Sra. Desterro
9:00 Visita ao Solar do Barão e seus jardins
9:30 Caminharemos no entorno, com breve parada nas ruas Senador Fonseca e Rua Zacárias de Goes.
9:45 Embarcaremos no ônibus que nos aguarda na Rua Barão do Triunfo, e seguiremos a outros pontos que contam a história da cidade.

Pontos: Ponte Torta, Estação Ferroviária, Barreira.

10:30 Nosso destino é a Fazenda Nossa Sra. da Conceição, também conhecida como Fazenda do Café.

Aproveitaremos para um almoço típico e descanso.

14:00 Retornaremos ao ônibus para novo destino, a região do Caxambu, onde podemos  verificar a instalação das famílias italianas na região rural.

Pontos: Museu do Vinho e Vinícola do Maziero.

15:30 Retornaremos ao ônibus para conhecer a Jundiaí moderna, cheia de vida e oportunidades.

Pontos: Parada de ônibus no Parque de Jundiaí (sem descer), SESC e Av. Nove de Julho.

17:00 Retorno ao ponto inicial – Rua Vicente Magaglio, nr. 50 – Jundiaí.

Obs : O roteiro pode sofrer alterações sem aviso prévio

VT- Aeroporto Viracopos

Boa Noite, meus queridos

Voltei para falar um pouco sobre minha visita técnica ao aeroporto de Viracopos em Campinas com ao pessoal do Senac.

As coisas boas do Aeroporto !
     As coisas boas do Aeroporto !

Saímos às 19:15 com destino ao aeroporto, esta foi nossa primeira visita técnica fora de Jundiaí.

A pontualidade, a vontade em aprender e a união são aspectos positivo deste grupo.

Chegamos por volta das 20:00, após um breve tour identificamos serviços como:

– Polícia                                            – Lazer

– Resgate                                          – Lojas

– Táxi                                                 – Vigilância

– Proteção a bagagem                 – SAC

– Alimentação                                – Bancos

– Segurança

O aeroporto é considerado de pequeno porte; predominam as empresas GOL e AZUL; atualmente está em reforma com previsão de término para o fim deste ano, após as obras receberá além de voos domésticos os voos internacionais.

com o comandante !
com o comandante !

Concluindo o aeroporto é bem sinalizado e havendo dúvidas os funcionários estão aptos a orientar os passageiros.

VT – São João Turismo

Boa noite , meus queridos !

fala pra vocês um pouco do meu Sábado ( 09/05) aonde fomos visitar a São João Turismo .

garagem São João Turismo
garagem São João Turismo
Grupo do Senac presente dentro do ônibus
Grupo do Senac presente dentro do ônibus

Chegada as 9 com o pessoal do Senac para a visita técnica a garagem da própria, para podermos entender melhor o modal terrestre mais preciso os ônibus.                 Com uma frota de em media 100 ônibus em geral divididos em ônibus de fretamento e ônibus para o turismo, lá já dentro da empresa fomos recebidos pelo Luis , contador da empresa e sócio junto a Joyce, agente de viagens da empresa que nos mostrou tipos de ônibus visando mais a parte de turismo, depois da  nossa chegada e toda a recepção do pessoal da empresa , foi solicitado o veiculo de turismo da empresa modelo 2015 que visa todas as necessidades de um viajante dentro de um ônibus.                                                                                                                          Dois ônibus para turismo com uma preferência para o turismo religioso mas sempre com as portas abertas para todo tipo de publico                                                       De fato uma grande empresa com vários tipos de porte de ônibus, entre ele micro-ônibus,ônibus antigos, veículos com deck superior e até vans que fazem parte de um dos serviços da empresa.                                                                                                      O que pode ser colido e percebido por mim foi que o grupo em si extraiu todo necessário , não deixando nenhuma duvida escapar , o pessoal da empresa foi super acolhedor com o grupo esclareceram com clareza todas as duvidas em uma manha divertida e com novos conhecimentos fundamentais para seguirmos em frente na profissão.

Casa Rosa

Essa ultima quarta eu mais a turma do Senac fomos a uma audiência publica para decidir a questão do tombamento da casa rosa

Em um evento histórico na Câmara Municipal, a Prefeitura de Jundiaí e o Conselho Municipal do Patrimônio Artístico e Cultural (Compac) encaminharam na noite dessa quarta-feira (6) o processo de tombamento da “Casa Rosa”, como é conhecido o casarão remanescente do estilo chamado eclético do início do século 20 localizado no trecho da rua Barão de Jundiaí que envolve referências como o antigo Grupo Escolar Siqueira de Moraes, atual Pinacoteca e o Teatro Polytheama, ambos oriundos do mesmo período.

Fonte : http://www.jundiai.sp.gov.br/noticias/2015/05/07/audiencia-publica-encaminha-tombamento-da-casa-rosa/

audiência da casa rosa acima

IMG-20150506-WA0023Pessoal antes do inicio da audiência

Cartilha de Sustentabilidade

Projeto para Manual do Sistema de Gestão da Qualidade

Técnico em Guia de Turismo

Boas práticas para sustentabilidade de meios de hospedagem

Sugestão para aplicação teórica inicial da ABNT NBR 15401:2014

Inexistência de formulários e indicadores de desempenho aptos a evidenciar a

implantação eficaz do SGQ.

SGQ simplificado para fins unicamente didáticos não indicado para treinamento

de profissionais da qualidade.

I. Sistema de Gestão da Qualidade

1.  Registro do sistema de gestão e controle de documentos

a) Nossa empresa registra as atividades turísticas no FO 001 (registro de

atividades turísticas internas)

b) Nossa empresa adota a FO 002 (padrão para recrutamento, treinamento

e reciclagem dos funcionários internos)

c) Os registros, documentos e/ou manuais de atividades do seu meio de

hospedagem são de fácil localização e estão disponíveis para todos os

interessados.

d) Por meio da confirmação dos dados quando cliente retorna em nossa

empresa.

e) Estes dados são arquivados através de um banco de dados (nuvem).

f) O processo de aprovação de documentação e por meio do FO 003.

2. Auditoria

a) Em nossa empresa existe um mecanismo para verificar estas ações

planejadas e ocorrem de maneira eficiente.

b) Nossa empresa realiza auditorias e com elas verificamos se as ações

planejadas de maneira eficiente durante o processo de execução.

c) Os documentos internos são arquivados conforme ocorrem as auditorias

internas

3. Análise crítica

a) Periodicamente são analisadas as informações relacionadas à

satisfação de cliente, objetivos e metas, resultados de auditoria interna e

monitoramentos.

b) Todas nossas práticas são realizadas nas áreas e por atividades do

meio de hospedagem.

c) Após a análise destes documentos, eles são arquivados em nosso

banco de dados.

d) Por meio de constantes ações de aprimoramento dos meios de

hospedagem

4. Não conformidade, ações corretivas e preventivas.

a) Após as ações serem verificadas são corrigidas as quais não estão

sendo cumpridas segundo a FO 003.

b) São investigadas as causas ao serem verificados os problemas e

reclamações apuradas de acordo com o tópico 1.

c) São tomadas novas ações sempre que são identificados erros no

processo de correções e eliminação das causas dos problemas.

Origem e Tradição Familiar

Boooa Tarde Galeraa !

Vim por meio do trabalho solicitado pela professora Angélica , mostrar a vocês um pouco sobre a origem e a tradição da minha família tanto por parte de mãe quanto por parte de pai.

No caso da origem do nome Leandro Souza de Carvalho os sobrenomes são de origem Portuguesas, porem de tradições portuguesas não tenho influencia alguma pelo fato da minha família por parte de mãe ter nascido no Rio de Janeiro e no Ceara e por parte de pai ter nascido em Cuiabá as tradições e culturas portuguesas ficaram no passado mesmo

Mas o que posso falar que sei da minha família sobre a origem e as tradições seria a parte gastronômica e a união da família , pelo fato de ser sempre assim qualquer coisinha todos já estão reunidos para fazer uma reunião de família e por nascerem em lugares diferentes as festas familiares acabam sendo um festival de comida tanto de tradições cuiabanas quanto cearense e carioca.

Mas claro que o sotaque, os jeito de viver, o modo de ser e as experiências são muitos diferentes e é isso que chama minha atenção pois um grupo tão misturado e sempre sai apenas boas historias com essa mistura toda fazendo uma grande pluralidade cultural no quintal de casa.